jueves, 31 de mayo de 2012

Eugenio Montejo

Vai aqui um pequeno poema escrito por Eugenio Montejo ! em Portugues e depois em Español .




A Poesia 


Poesia atravessa a terra sozinho,

apoia a sua voz na dor do mundo
e nenhuma solicitação
ou até mesmo palavras.

Vem de longe e sem tempo, nunca avisa;
tem a chave da porta.
Entrando sempre param para olhar.
Em seguida, abra sua mão e dá-nos
uma flor ou uma pedra, algo secreto,
mas tão intensa que o coração bate
demasiado rápida. E acordar .
LA POESÍA
La poesía cruza la tierra sola,
apoya su voz en el dolor del mundo
y nada pide
ni siquiera palabras.

Llega de lejos y sin hora, nunca avisa;
tiene la llave de la puerta.
Al entrar siempre se detiene a mirarnos.
Después abre su mano y nos entrega
una flor o un guijarro, algo secreto,
pero tan intenso que el corazón palpita
demasiado veloz. Y despertamos.



0 comentarios:

Publicar un comentario

 
Design by